Fracasso de Temer na Economia Aumentará Chances de Vitória Petista em 2018

estrategia-politica

Pesquisa eleitoral para a presidência da república divulgada nessa quarta-feira pela CNT-DMA indica consolidação do nome de Jair Bolsonaro em segundo lugar e mostra Lula como favorito em primeiro. Apresentaremos posteriormente um artigo mais detalhado sobre essa pesquisa e apontando aquela que deve ser, ao nosso ver, a estratégia a ser seguida pela direita conservadora. Por ora cumpre lembrar que o favoritismo momentâneo de Lula pode ser atribuído em grande parte ao memory recall de disputas anteriores e ao desempenho ainda pífio de Michel Temer na área da economia, principalmente nos níveis de desemprego.

Portanto, o que a pesquisa sinaliza é que um eventual fracasso de Michel Temer na gestão econômica seria o principal combustível para uma hipotética (e improvável, ao nosso ver) volta do petismo à presidência da república no ano que vem, o que seria desastroso para o país em todos os aspectos.

Conforme mostraremos em breve em um artigo em colaboração com André Gordon, economista com larga expertise na área, a aprovação da PEC do teto de gastos e as medidas na área macro econômica que vem sendo adotadas pela equipe de Henrique Meireles começarão a produzir efeitos na ponta do emprego a partir desse segundo semestre. Essas medidas também apontam para uma inversão nas expectativas quanto ao crescimento do PIB para esse ano: após dois anos de quedas consecutivas, existe a possibilidade de crescimento de ao menos meio por cento esse ano.

Um ambiente de disputa favorável à direita em 2018
Assim, se afastado o fator econômico, o risco de uma volta do petismo à presidência da república ficaria minimizado, de modo que a disputa presidencial no ano que vem pode se dar em outras bases. Assim, não faz sentido algum a direita conservadora abrir mão antecipadamente de participar dessa disputa de maneira competitiva, fato que ocorreria pela primeira vez em mais de meio século, para apoiar já de imediato um candidato da socialdemocracia sob pretexto de impedir a volta dos comunistas-socialistas à presidência. 

É por esta razão também, além dos interesses maiores do país que devem sempre guiar nossa conduta, que não faz sentido certos setores da direita cederem à tentação de apostar num fracasso do governo de Michel Temer no campo econômico ou de querer abraçar a bandeira pela sua derrubada. O fracasso econômico do governo de Michel Temer ou a sua derrubada antes do fim de seu mandato interessam somente à esquerda, em especial ao petismo.

Conforme mostramos no artigo O País Necessita de Uma Frente Nacional de Direita, a direita tem que ser inteligente o bastante para não adotar estratégias que somente beneficiarão a esquerda no médio prazo, e ao mesmo tempo saber fazer a pressão política à direita sobre o atual governo em cima de determinadas pautas. Pressão essa que até hoje a direita não teve capacidade de exercer, deixando esse campo da disputa de pressão sobre o governo exclusivamente nas mãos da esquerda.

#CriticaNacional #TrueNews


 

Anúncios

2 comentários sobre “Fracasso de Temer na Economia Aumentará Chances de Vitória Petista em 2018

Comentário ao artigo:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s