Marcha em Defesa da Lava-Jato

293


O grupo de Ativistas Independentes organiza nessa quarta-feira na capital paulista uma Marcha em Defesa da Lava-Jato. O grupo está convocando as pessoas para saírem às ruas em defesa da Operação Lava-Jato, e organizou uma manifestação que terá início nessa quarta-feira, dia 15 de fevereiro, em frente ao prédio da Fiesp, às 18H30.

Em seguida os manifestantes seguirão em marcha pela avenida Paulista e pela avenida Brigadeiro Luiz Antônio em direção à Assembléia Legislativa. A manifestação já foi devida comunicada em ofício à Polícia Militar, que estará presente garantindo a segurança e o livre direito de manifestação pacífica. O Crítica Nacional apoia essa iniciativa e convida seus leitores paulistanos a participar dessa marcha.

#CriticaNacional #TrueNews


 

Anúncios

4 comentários sobre “Marcha em Defesa da Lava-Jato

  1. É preciso escolher as batalhas. .. Hoje a maior conquista q o braziu pode realizar é a derrocada e substituição do “estatuto ” do desarmamento. .. lava jato já morreu. .

    Curtir

    • Calma. Uma coisa de cada vez. Temos que aproveitar a Lava Jato o máximo possível para enfraquecer os velhos caciques do PMDB e da esquerda fabiana e bolivariana.

      Revogação do “estatuto do desarmamento” agora é pedir demais, pois se a redução da maioridade penal não passa no Congresso, muito menos retomarmos nosso direito passará.

      Curtir

  2. Meus parabéns aos Ativistas Independentes. É isso que se deseja. Não esmoreçamos!
    Que tenhamos mais marchas ao do ano, contagiando todo o país.
    A Lava Jato é, e tem sido, a única tábua de motivação e salvação. Merece todo nosso esforço e desprendimento.
    Isso é só o início.

    Curtir

  3. REPÚDIO À UMA MANIFESTAÇÃO QUE FECHA SEM AVISO PRÉVIO UM DOS MAIORES CORREDORES DE ÔNIBUS DE SÃO PAULO! Nenhum aviso foi colocado na região ou nos pontos de ônibus! Dezenas de pessoas esperando ônibus para voltar para casa após um longo dia de trabalho foram surpreendidas com o fechamento da Av Brigadeiro por essa manifestação. Seu direito de manifestar acaba quando o direito de outra pessoa ir e vir, voltar para casa do trabalho neste caso, é tolhido, especialmente sem um aviso prévio!

    Curtir

Comentário ao artigo:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s