Governo Donald Trump: Cinco Dias de Ações Anti-Globalistas

governo-trumpEm apenas cinco dias na chefia da Casa Branca, o presidente americano Donald Trump honrou e cumpriu vários de seus compromissos de campanha, além de ter tomado iniciativas outras que estão em linha com o enfrentamento direto ao bloco de poder islâmico-globalista que ele decidiu combater desde quando pleiteou a candidatura à presidência americana.

a) Donald Trump cancelou a participação dos Estados Unidos no Acordo de Associação Transpacífico, que na prática representava uma nova versão dos princípios globalistas regulatórios que guiaram a formação da estrovenga conhecida por União Europeia.

b) Proibiu o repasse de recursos do contribuinte americano para o financiamento de clínicas de aborto no exterior.

c) Mandou retomar a a construção de dois oleodutos cujas obras haviam sido interrompidas pelo ex-presidente socialista Barack Obama em atendimento ao lobby ambientalista.

d) Confirmou por meio de decreto presidencial a construção do muro na fronteira mexicana para barrar o influxo de imigrantes ilegais, em sua grande parte associados ao crime organizado e ao narcotráfico.

e) Confirmou a decisão de cortar impostos e congelou a contratação de funcionários públicos, exceto da área militar e de segurança nacional.

Soma-se a essas decisões o fato de seu primeiro compromisso oficial no dia seguinte à posse ter sido uma visita às instalações da CIA e o fato de ter mandado remover do website oficial da Casa Branca todo o conteúdo associado à agenda islâmico-globalista da esquerda internacional, como a seções de gayzismo, ambientalismo, tolices sobre mudanças climáticas e outras.

O impacto inicial de suas medidas fez a Bolsa de Valores de Nova York bater um record nessa quarta-feira ante às expectativas positivas que estão se formando em relação ao seu mandato. O fato é que em apenas cinco dias Donald Trump está dando lições de guerra política a respeito de como enfrentar os inimigos da civilização ocidental. Dado esse cenário, passa a ser uma obrigação da direita conservadora no mundo inteiro aprender com o presidente americano como fazer o combate ao globalismo no resto do mundo. 


 

Anúncios

9 comentários sobre “Governo Donald Trump: Cinco Dias de Ações Anti-Globalistas

  1. O combate à agenda globalista é um balde de água gelada em um programa que vem há muitos anos descerebrando e tornando as pessoas excessivamente tolerantes, ao ponto da completa idiotia e apartadas da realidade.
    Os Estados-Nações tem de manter sim suas identidades e seus interesses, sem com isso deixarem de trocar mercados e pessoas.

    Curtir

  2. Até quando a mídia de massa irá insistir na tola ideia de apostar na derrocada do governo Trump e Brexit? Desconfio que isso irá mais longe ainda…

    Curtir

  3. Daqui a pouco a “nova direita”, que nada mais é do que a esquerda que não admite sê-lo (liberais, libertários e SOCIALISTAS fabianos) vai dizer que Trump está fazendo tudo errado e dando munição à esquerda para ser atacado por conta de seu “direitismo brucutu”…

    Curtir

    • Isso redesenha o jogo de poder na escala mundial, muda o curso das águas para todos os países. O Brasil é uma bóia ao mar, e isso melhora até as garantias democráticas que andam fora de moda por aqui! Em caso de golpe, existe a remota possibilidade de recebermos apoio de Trump!

      Curtir

  4. O que aconteceu nos Estados Unidos e está acontecendo, é uma das melhores coisas que o mundo já viu nos últimos anos.Estou muito animado com esse Trump . Na situação em que está o mundo só um maluco, entre aspas, como o chamam, para haver alguma ordem. Salve Trump. Que Deus o abençoe.

    Curtir

  5. Trump está deixando os defensores do socialismo de cabelo em pé, porém, os seus apoiadores encontram-se muito satisfeitos. Este é o caso da primeira ministra britanica Tereza May, que num debate recenbe no parlamento britanico disse veementemente que vai aos Estados Unidos e conversará com o presidente americano. Por fim, conclui que as conversacoes sobre negócios e comercio é de maior relevancia do povo britanico e seguirá neste rumo, mas nao no que a Uniao Europeia quer impor.

    Curtir

Comentário ao artigo:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s