Derrota de Renan Calheiros & Análises Políticas Tendenciosas

Conforme havíamos antecipado nesse artigo aqui publicado há uma semana, a tentativa de Renan Calheiros de forçar a votação do projeto de lei de abuso do poder, o PL280, não prosperou. Pressionado pela maioria do Senado, Renan se viu obrigado a recuar e encaminhar o projeto para a Comissão de Constituição e Justiça. Há uma sutileza política relevante nessa decisão que merece ser observada. No artigo referido acima dissemos:

No novo ambiente político que se formou após o imbróglio com o STF, é pouco provável que essas duas matérias (PL280 e Dez Medidas) venham a plenário antes do fim do recesso parlamentar.

Pois bem, a versão que foi criada por parte da grande imprensa, em particular pelo blog O Antagonista, foi a de que a decisão da mesa do Senado tomada na semana passada de não cumprir a decisão liminar de Marco Aurélio Mello, que afastava Renan Calheiros da presidência da casa, teria sido fruto de um acordo envolvendo Michel Temer. Um acordo que visaria assegurar a aprovação da PEC do teto de gastos e também o PL280. O blog chegou a apresentar Renan como o grande vitorioso do episódio.

Esse mesmo blog, em sua campanha aberta pela derrubada do governo Michel Temer (para que Fernando Henrique Cardoso assuma a presidência em eleição indireta) ficou durante dias afirmando haver uma aliança entre Michel Temer e Renan Calheiros contra os interesses do país. Mas os fatos derrubaram essa versão, ou melhor dizendo, a propaganda pura e simples, que O Antagonista faz à guisa de análise política. A mesma propaganda, disfarçada de análise política e de jornalismo, que o veículo fez em favor de Hillary Clinton na campanha eleitoral americana.

O fato é que, a despeito de  ativismo judiciário ter sofrido uma derrota importante na semana passada ao se ver confrontado pela mesa do Senado, Renan Calheiros saiu enfraquecido do episódio. Ao governo, e ao país, interessava a aprovação da PEC241, o que de fato ocorreu. O Pl280, ao menos nesse primeiro momento, interessava somente a Renan, que teve que recuar de sua intenção diante de um plenário do Senado em que o governo é maioria. 

Houvesse tal aliança espúria entre o governo de Michel Temer e Renan Calheiros pela aprovação do PL280, como afirmou enfaticamente o referido blog, tal recuo não faria sentido. A verdade é que a grande imprensa, por ser toda ela alinhada à esquerda,  na sua quase totalidade trabalha contra o governo de Michel Temer. As tentativas feitas nos últimos dias de associar a figura execrável de Renan Calheiros à de Michel Temer foram uma das evidências disso, ainda que ao custo de análises e suposições tendenciosas que em nada corresponderam aos fatos.


 

Anúncios

4 comentários sobre “Derrota de Renan Calheiros & Análises Políticas Tendenciosas

  1. Fernando Henrique Cardoso fez e faz campanha pela legalização do uso da maconha, e vai ser presidente desta nação continental?
    Não acredito, mas como as coisas andam, tudo já é possível, tanto mais que tem total apoio da Fundação Ford, ligada á Nova Ordem Mundial.
    A Oligarquia Financeira Transnacional, deve estar mais que satrisfeita.

    Curtir

  2. Eu fico pensando como é possível alguém que possua um cérebro, ainda assim, acreditar que alguém que tem por ambição VIVER do PODER e NÃO do TRABALHO possa ser alguém que presta ou que tenha um mínimo de decência ou dignidade.

    Todos os que ambicionam viver do poder, SOBRETUDO NA ALTA HIERARQUIA, são de CARÁTER absolutamente NOCIVO. Se ainda aparentam um mínimo de decência é por mera falta de oportunidade para mostrarem o que são.

    Esse morde e assopra que se reveza entre estes PÚSTULAS da alta hierarquia estatal é apenas EMPULHAÇÃO:

    – Sempre há um que se ostenta um “guerreiro da decência” em contrário a seus pares: AÍ os TOLOS a ele se ENRABICHAM ELOGIOSAMENTE…

    …e na sequencia o “herói da dignidade” logo se apresenta para a canalhice e outro “herói” se apresenta “cheio de caráter” para ser derrotado por seus pares. E a MASSA IMBECILIZADA e SEDENTA de ÌDOLOS REPRESENTANTES para ADORAR vai revesando sua ADORAÇÃO entre os CANALHAS que se revezam na ostentação da “heróica dignidade” …PQP!!!

    Até TOFFOLI já posou de “HERÓI da DEMOCRACIA” contra seus pares que atuavam em defesa do mandato de Dilma.
    Gilmar, que no mensalão impediu a quebra de sigilo de Paulo Okamoto, que levarioa Lula pra cadeia, até pouco tempo atras, apesar de deslizes acanalhados, era considerado o melhor, como também varias vezes o foi o SONSO CELSO de MELLO (o juiz de merda).

    Enfim, a massa esta enlouquecida em busca de ÍDOLOS a quem ADORAR e é sucessivamente imbecilizada em seu revezamentos interminável de ÍDOLOS e CANALHAS.

    …a verdade é que TODOS SÃO CRÁPULAS, os PIORES CANALHAS que um país tem a infelicidade de abrigar nos mais altos postos do PODER IMPOSTO.

    Abs

    Curtir

  3. Percebo uma tendência pmdbista do site?
    Sem tirar nem por, pt, pmdb, psdb, pdt, dem, rede, são trinta e tantas vírgulas para nominar a curriola política nacional, são frutos do mesmo arbusto venenoso…
    O o antagon!sta nem sempre prima pela verdade mas a maneira como esta análise foi proposta me parece dúbia, ao ponto de ver nas entrelinhas um afago ao partido do “semprenopoder”.

    sanconiaton

    Curtir

Comentário ao artigo:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s