Donald Trump em Detroit: Mensagem de Esperança e Dignidade

O candidato do Partido Republicano à presidência dos Estados Unidos, Donald Trump, apresentou seu plano econômico nessa segunda-feira, em um evento de campanha na cidade de Detroit. Denominado America First (América Primeiro) o plano é uma plataforma ousada que promete a adoção de medidas para retomada do crescimento econômico do país. O tom do pronunciamento de Trump foi o de conclamar os americanos a abandonar os anos de atraso e de corrupção socialista do governo Obama, e dar um voto de confiança a uma liderança que irá trazer de volta a dignidade e a esperança para a América.

A escolha da cidade de Detroit para a apresentação do plano econômico do candidato do Partido Republicano não foi casual. Aquela que foi no passado uma das cidades mais ricas e prósperas da América, o coração da indústria automobilística do país, Detroit se tornou o símbolo da pobreza, da violência e do atraso depois de ter passado por décadas sob o comando de prefeitos do Partido Democrata. A cidade apresenta hoje zonas inteiras que se tornaram autênticos bairros fantasmas abandonados, além de ocupar a posição número um no ranking das cidades com maiores índices de violência e criminalidade.

Anúncio_C2

A renda per capta gira em torno de quinze mil dólares, metade portanto da renda per capta nacional dos Estados Unidos. Cerca de quarenta por cento dos moradores vivem na linha de pobreza, um percentual superior a trezentos por cento da média do país. A taxa de desemprego local é dobro da média nacional, e metade de seus habitantes não trabalha. Esse quadro é resultado de mais de meio século de seguidas administrações municipais chefiadas por políticos socialistas do Partido Democrata.

Donald Trump enfatizou que Detroit é o exemplo do resultado de políticas públicas socialistas que são apoiadas e defendidas por sua oponente, Hillary Clinton. A política de fronteiras abertas, open borders, teve um efeito devastador na cidade, afugentando empreendedores ao mesmo tempo em que o governo socialista municipal aumentava sistematicamente os impostos para cobrir rombos orçamentários cada vez maiores. Por fim, a política educacional da cidade, toda ela de inspiração socialista, fez com que os estudantes de Detroit viessem a ocupar as piores posições no sistema educacional do país.

O plano econômico apresentado por Donald Trump representa o mais radical e ousado programa de redução de impostos desde Ronald Reagan. Ainda iremos discorrer sobre os detalhes desse plano nos próximos dias. Mas por ora cumpre destacar que a escolha de cidade de Detroit para a apresentação do plano foi emblemática e bastante simbólica: Donald Trump escolheu a cidade que é a prova viva, na América, de como as políticas socialistas da esquerda resultam sempre em fracasso e empobrecimento da população. E esse fato é uma verdade incontestável, seja em Detroit ou em qualquer outro lugar do mundo onde a esquerda esteja no poder. Com conteúdo de FrontPageMag.Com.



O Crítica Nacional está passando por um momento crítico e precisa do apoio dos leitores para continuar a trazer o melhor conteúdo jornalístico conservador e de direita do país. Acesse esse link e participe de nossa campanha de assinaturas.


Comentário ao artigo:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s