Lava Jato Delivery

O noticiário dessa sexta-feira corrobora e confirma o que antecipamos em detalhes nesse artigo publicado ontem, fundamentado na prática comum e bastante inteligente da esquerda de saber usar as armas do inimigo contra ele próprio e em favor do interesse dessa mesma esquerda. Há sinais evidentes de que o petismo está instrumentalizando a Lava Jato através das delações de Sérgio Machado para atingir em cheio o governo de Michel Temer. A quase totalidade da grande imprensa, incluindo seus colunistas de grife supostamente não petistas, estava até ontem ignorando esse fato ou ainda não havia se dado conta do mesmo.

E alguns desses colunistas ou blogueiros de grife continuam não se dando conta desse fato, ainda que este esteja berrando sob seus narizes, como é o caso de O Antagonista, que inacreditavelmente reproduziu hoje uma nota de Mônica Bergamo que vai nessa mesma direção: a office-girl do petismo e que escreve na Folha de São Paulo, o porta-voz oficial da esquerda brasileira, plantou uma nota não para informar a possibilidade de o nome do presidente estar envolvido na Lava Jato, mas para se somar ao esforço hercúleo que toda a imprensa a serviço do petismo está fazendo para usar a Lava Jato como tábula rasa de um atalho para tentar voltar ao poder. E para isso o petismo conta mais uma vez com a ajuda prestigiosa de O Antagonista, que mais uma vez colabora com os interesses da esquerda, sempre em nome do combate à corrupção.

Enquanto esteve no poder, o petismo usou de todo o instrumental e do aparato do estado de que dispunha para sepultar a Lava Jato. Termos como “República de Curitiba” foram cunhados para esse propósito, assim como a comparação estapafúrdia da carceragem da Polícia Federal da cidade com câmaras de tortura. Mas de súbito, eis que petistas e toda a imprensa que está a seu serviço passam simplesmente a ignorar tudo o que afirmavam antes sobre a operação e passam a vê-la com naturalidade, potencializando alguns de seus efeitos, uma vez que estes estão agora, após os devidos arranjos e escolhas de alvo em bastidores, mirando nos alvos certos: os adversários e inimigos do petismo.

Óbvio que esse duplo padrão moral da esquerda não surpreende e nem pode surpreender quem conhece a ética e a moralidade do pensamento esquerdista, que consistem justamente em não ter ética e moralidade alguma. Mas causa sim alguma surpresa ou no mínimo um espanto perceber a facilidade com que algumas personagens públicas supostamente não petistas simplesmente seguem o roteiro traçado pela própria esquerda para fazer a luta política, sem se dar conta de que jogo está sendo jogado.

O sucesso das estratégias da esquerda em várias partes do mundo se deve sem dúvida a décadas de bagagem e experiência na guerra política, e também à expertise de muitos de seus dirigentes. Mas esse sucesso se deve também em parte à ignorância e idiotia política dos que supostamente pretendem combater a esquerda fazendo o jogo que ela quer. No caso da Lava Jato, é bastante provável que o petismo consiga transformá-la, ao menos em parte, em uma operação delivery: aquela que entrega o que for solicitado.


 

5 comentários sobre “Lava Jato Delivery

  1. Enquato o 9Finger, o Cardozão, o MAG, Adams, outros advogados lacaios et caterva estiverem à solta, o país continuará à deriva.

    Curtir

  2. Pingback: Folha de São Paulo Confirma Nossa Análise | Crítica Nacional

  3. Pingback: Manifestações de 31 de Julho: Brasileiros Voltam Às Ruas | Crítica Nacional

  4. Pingback: Provável Cassação de Eduardo Cunha: Vitória da Esquerda & Ativismo Judiciário | Crítica Nacional

Comentário ao artigo:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s