Movimentos Sociais: Eufemismo para Delinquência e Criminalidade Ideologicamente Motivadas

110

Em entrevista dada hoje, o Ministro da Justiça Alexandre de Moraes deixou claro que ações criminosas como as promovidas pelo MST de propriedade de João Stédile, ou pelo MTST de propriedade de Guilherme Boulos, bem como por outras milícias de delinquentes a serviço da esquerda, serão tratadas como devem ser tratados quaisquer outros atos criminosos: com o rigor da lei. Ações típicas de terrorismo, como o fechamento e bloqueio de vias públicas por meio de ateamento de fogo em pneus e madeira, deverão ser reprimidas com a medida de força necessária pelas Polícias Militares ou pela Polícia Rodoviária Federal nos termos da lei.

É redundante, porém necessário nesses tempos de inversão de valores resultante da finada era petista, dizer que o livre direito de manifestação em uma democracia não pode nem deve de modo algum ser confundido com um suposto, e portanto inexistente, direito de delinquir e cometer crimes como depredação de patrimônios,  impedir as pessoas de ir e vir e por vias públicas, e muito menos invadir propriedades públicas ou privadas. Ações dessa natureza não fazem parte do exercício de nenhum direito. Ao contrário, se constituem em práticas criminosas levadas a cabo por arrivistas adeptos de uma ideologia de esquerda que, uma vez estando no poder, se ocuparão em primeiro lugar de cercear toda e qualquer liberdade de manifestação.

A determinação do Ministro da Justiça do Presidente Michel Temer de fazer com que se cumpra a lei deve ser e será aplaudida pela esmagadora maioria dos brasileiros, que durante os anos da era petista viram seus direitos serem cerceados pelas ações criminosas de uma minoria ideológica que atuava livremente, com a certeza da impunidade que lhes era assegurada pelo governo socialista do PT.

Mas não basta aplaudir a determinação do novo governo de pôr fim a essa impunidade. Devemos cobrar e pressionar o Presidente Michel Temer para que mande suspender o repasse de recursos públicos para essas milícias delinquentes que se apresentam sob o eufemismo de movimentos sociais. Essas milícias, formadas por militantes socialistas e comunistas, somente existem por que são de algum modo financiadas, pois ideologia apenas não garante o sanduiche de mortadela. É obrigação do novo governo não apenas suspender de imediato o repasse de recursos públicos a esses grupos, como também mandar investigar a legalidade de eventuais outras fontes de financiamento de suas atividades criminosas.


001 Anuncio Ate 06 Maio 2016

2 comentários sobre “Movimentos Sociais: Eufemismo para Delinquência e Criminalidade Ideologicamente Motivadas

  1. Perceba-se como a esquerda começa bem mais sutil do que termina:

    – No inicio o MST se dizia voltado apenas para o ESBULHO de propriedades improdutivas.
    Com essa estratégia conseguia abter a anuência da população para seus crimes e seu avanço em verbas públicas bilionáriasdesde FHC.
    Uma vez aceitos como invasores (LADRÕES) de propriedades improdutivas, foram atacando propriedades cada vez menos improdutivas ATÉ QUE PASSARAM A INVADIREM e MATAREM em propriedades plenamente produtivas.
    Não satisfeitos, ANTE A IMPUNIDADE, passaram a TOMAR PEDÁGIOS, DEPREDAR FAZENDAS e EMPRESAS, FECHAR VIAS PUBLICAS, SAQUEAR CAMINHÕES e praticar toda sorte de CRIMES como sequestro e ASSASSINATOS IMPUNEMENTES.

    Por ultimo se mostram como grupos guerrilheiros em nada preocupados em produzir, mas apenas esbirros do NAVIO CORRUPTO do SOCIALISMO ou esquerdismo.

    Em verdade o SOCIALISMO é APENAS UMA ESTRATÉGIA PARA REIVINDICAR o PODER ABSOLUTO, o DESPOTISMO como disse NIETZSCHE, para o ESTADO. Sendo este uma ORGANIZAÇÃO com CLASSES HIERARQUIZADAS e apoiadas numa IDEOLOGIA FARISAICA para EXPLORAR e mesmo ESCRAVIZAR populações inteiras.

    O Socialismo é A EXPLOERAÇÃO do HOMEM pelo HOMEM

    …Basta ver como sindicalistas e aquinhoados nos consehos de profissões SÃO SEMPRE ADEPTOS do ESQUERDISMO que lhes assegura VIVEREM da EXPROPRIAÇÃO de parte dos rendimentos do TRABALHO ALHEIO. Tais conselhos de profissões, bem como sindicatos, são de pouquissima ou nenhuma utilidade para aqueles FORÇADOS a CUSTEAR tal PARASITISMO.

    A verdade na dialética de Marx é que aquilo chamado de “capitalismo” se realiza de fato no Socialismo. Pois neste há um GRUPO ORGANIZADO e HIERARQUIZADO através do suporte de uma INFRAESTRUTURA IDEOLOGICA a dar-lhes respaldo, sob a promessa de um Paraíso terreno em futuro incerto.

    Curtir

Comentário ao artigo:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s