A idiotia política de quem está aplaudindo a decisão da suprema corte imperial

Perdoem a deselegância dos termos, mas quem está sendo idiota e politicamente néscio o bastante para aplaudir a decisão liminar de Teori Zavascki afastando chefe do legislativo de suas funções, como MBL e as sacripantas incautas do blog O Antagonista, que chegou a publicar uma estultice sobre o suposto avanço que tal decisão representaria em termos do fim da cultura da impunidade (uma tese que só se explicaria por elevado grau de embriaguez causada pela brisa mediterrânea), não percebe a gravidade da esculhambação institucional que foi instalada no país pelo petismo e pelo seus prepostos na suprema corte.

Essa decisão liminar de um ministro do supremo, ainda que seja revertida em plenário, representa o fim da independência dos três poderes e a submissão de toda a vida institucional e política do país a decisões monocráticas e imperiais de uma instância de poder que deveria se limitar unicamente a resguardar a observância do texto constitucional. A liminar sinaliza que a partir de agora todas as decisões do legislativo passam a ser passíveis de anulação por decisão solitária de um integrante da instância máxima do judiciário. Trata-se portanto da delinquência institucional perfeita, na qual o petismo apostou todas as suas fichas, como já havíamos alertado nesse artigo aqui do mês de abril, e nesse outro artigo ainda de outubro do ano passado.

Não acreditamos, ou ao menos consideramos pouco provável, que o petismo consiga reverter o processo de impeachment a partir desse novo dado. Mas é preciso que se observe o seguinte: o plenário do supremo irá analisar hoje a tarde um pedido da Rede para não apenas afastar Eduardo Cunha como também para determinar a anulação de seus atos, o que incluiria a sessão da Câmara por ele presidida em que se aprovou a admissibilidade do impeachment. Trata-se apenas de uma possibilidade, que continuamos a achar remota, até mesmo pelo fato de essa demanda da Rede poder ser considerada tecnicamente prejudicada pela decisão liminar anterior de Teori Zavascki.

Mas o fato de esta possibilidade existir, ainda que remotamente, fornece uma medida do grau de insegurança jurídica que o petismo instalou no país a partir da corte suprema, como mecanismo para tentar assegurar sua permanência no poder a qualquer custo. A propósito, essa semana o colunista Rodrigo Constantino publicou um artigo para tentar demonstrar como Olavo de Carvalho estava errado, pois o impeachment havia sido assegurado graças à normalidade institucional do país. Ficamos agora no aguardo das novas considerações de Rodrigo Constantino a respeito da vicejante normalidade institucional brasileira à luz desse novo fato emanado da suprema corte imperial.


001 Anuncio Ate 06 Maio 2016

17 comentários sobre “A idiotia política de quem está aplaudindo a decisão da suprema corte imperial

  1. Pelo amor de tudo o que ainda vale a pena preservar nessa merda de país, gente. Hoje recebemos um golpe (verdadeiro) à vontade nacional: afastaram Cunha à força e no lugar dele entrou um deputado petista.Os comunistas perderam no Legislativo e agora tão querendo ganhar no Judiciário. Até já citaram que vão pedir anulação do processo de impeachment baseado na suspeição de Cunha. Ou começamos a agir NOW, ou não poderemos fazer mais nada.

    Curtido por 1 pessoa

    • Concordo! É assustador o que está acontecendo!!! Maduro predador destruiu a Venezuela com o apoio do STF!!!Estamos indo para o mesmo caminho.

      Curtir

    • ESTE CARA AINDA PERMANCE COMO PRESIDENTE DO SENADO FEDERAL RENAM CALHEIROS COM 12 INQUERITOS NAS COSTAS O STF PROTEGE ESTE BANDIDO PORQUE NAO EXISTE MINISTROS O QUE EXISTE SAO PETISTAS VESTIDOS DE TOGA QUI VERGONHA ESTE STF

      Curtir

  2. Você deve ter lido montesquieu e esqueceu dos dois séculos de autores depois deles. A ideia de independência entre os poderes já foi relativisada desde a Constituição de Weimar.

    Curtir

  3. Desarmando a bomba
    ELIANE CANTANHÊDE
    05 Maio 2016 | 12:10
    A decisão do ministro Teori Zavascki de afastar o deputado Eduardo Cunha foi amadurecida durante a madrugada e teve o objetivo de desativar uma bomba preparada pelos ministros Ricardo Lewandowski e Marco Aurélio Mello que, segundo análises de juristas, poderia implodir o processo de impeachment da presidente Dilma Rousseff e a posse do vice Michel Temer.
    Lewandowski e Mello puseram em votação hoje à tarde a ADPF (Arguição de Descumprimento de Preceito Fundamental), de autoria da Rede de Sustentabilidade, que, além de pedir o afastamento de Eduardo Cunha, determinava simultaneamente, segundo interpretação de outros ministros, a anulação de todos os seus atos no cargo – e, por conseguinte, o acatamento do pedido de impeachment de Dilma.
    Zavascki se irritou e outros ministros estranharam que Mello tenha aceitado relatar a ADPF da Rede, quando o natural seria que a enviasse para ele, que relata o caso Cunha desde dezembro. E as suspeitas pioraram quando Mello acertou com o presidente Lewandowski para suspender toda a pauta de hoje no plenário para se concentrar nessa ação.
    Ao perceberem a manobra – ou “golpe”, segundo um deles – , ministros do Supremo se mobilizaram para neutralizar a aprovação da ADPF hoje à tarde pelo plenário. Decidindo o afastamento de Cunha com base no processo aberto pelo procurador geral da República, Rodrigo Janot, Zavascki esvazia horas antes a ação da Rede, que deixa de ter um “objeto”. Se Cunha não é mais deputado, não há como julgá-lo como tal.
    O fato é que, com a proximidade do impeachment de Dilma, os nervos estão à flor da pele e o próprio Supremo está em pé de guerra. A sessão de hoje à tarde deve ser num nível máximo de tensão. Marco Aurélio Mello disse que “é preciso analisar” se o seu relatório sobre a ação da Rede está ou não prejudicado e tentou até brincar, dizendo do que Zavaski “poupou metade do seu trabalho”.
    Conforme fontes consultadas pelo Estado, o “jabuti” identificado na ADPF da Rede está no sétimo parágrafo, sobre “os atos impugnados” na ação e sobre “uma prática institucional incompatível com o regime constitucional da presidência da Câmara dos Deputados”.
    São citados, em seguida, dois tipos de atos: 1) o “grave ato omissivo” da Câmara, que deveria ter afastado o seu presidente depois que se tornou inabilitado para o cargo; 2) os “atos comissivos que foram praticados cotidianamente por um agente político que não poderia prosseguir na função de presidente da Câmara”.
    Nesse segundo caso, dos atos de Cunha, está dito: “Embora não se cogite de nulidade dos atos praticados até o reconhecimento da inconstitucionalidade ora questionada, impõe-se o exame célere da matéria para que promova o restabelecimento da normalidade institucional”.
    Na leitura de ministros e assessores do próprio Supremo, só não se cogita da nulidade desses atos até que a denúncia contra Cunha seja recebida. A partir de reconhecida a inabilitação dele, estaria aberta a brecha para que seus atos fossem revistos para resguardar a “normalidade institucional”.

    Curtir

  4. Este imundo, esta ratazana idiota, essa escoria humana, precisará nascer milhões de vezes para chegar perto do escarro do Exmo. Moro, ele está querendo seus momentos de fama, só que não tem, nunca teve e nunca terá reconhecimento, medalhas, fama…. pelo ato de honra, porém, o reconhecimento como maior GOLPISTA, VENDIDO E INCOMPETENTE da história, isso sim. Seu velho sem vergonha, para de mamar nas tetas da imundice e morre.

    Curtir

    • Disseste-o bem, Cyndy!!!

      O Rogério, acima, pode ter razão.
      O STF praticou uma descarada violação da constituição invocando que “os fins justificam os meios” e com base nisso VIOLOU as leis e sobretudo a constituição. Ainda assim há retardados que afirmam que as “prostituições” democraticas estão funcionando corretamente. Os prostíbulos democraticos estão sim funcionando, mas não corretamente.

      A coisa ficou ainda mais escandalosa e aberrate pelo fato de RENAN há quase DEZ ANOS ter processos no STF sem que seja julgado e é aceito como presidente do senado. O PIOR é que o sucessor de Cunha tem processos com evidências de corrupção no STF, enquanto Cunha foi denunciado TARDIAMENTE por um delator que em duas oportunidades não o fez. Certamente denunciou cunha a MANDO da PGR, pois que Cunha enfrentava o PT.

      Ou seja, tudo é uma lambança onde a safadeza impera de pleno arbítrio. ESTAMOS NUMA DITADURA onde o Estado temn por ÚNICA FINALIDADE a EXPLORAÇÃO da POPULAÇÂO pagadora de impostos.

      Essa é a verdadeira “luta de classes”: a luta dos recebedores de impostos contra os pagadores de impostos. Sendo que os recebedores possuem uma ideologia como infraestrutura dando suporte ao seu PODER de fato totalitário, como podemos contemplar em meio a tantas VIOLAÇÕES e “interpretações” das leis e das palavras. Bem como a “interpretação ATÉ das INVESTIGAÇÕES da PF, de modo que a PGR só denuncia o que lhe interessa e de forma a garantir penas leves para alguns “bois de piranha”.

      Vide:
      Marcos Valério, mero office boy do petismo, pegou 37 anos. Os diretores do Bco Rural pegaram mais de 12 anos. Contudo os beneficiários e mandantes pegaram penas simbólicas e Dirceu que pegou a maior pena foi liberado por Barroso muito antes de Jefferson que pegou uns meses a menos e cumpriu seis meses a mais de pena. Pois Dirceu saiu através de uma conta IMPOSSÍVEL para 1/6 de pena de qse 8 anos. Cumpri pouco mais de 1/10 da pena. Já Jefferson cumpriu mais de 1/6.

      Curtir

  5. .
    Não ha coisa mais estúpida do que esta maluquice de que Teori “desarmou uma bomba”.

    Não desarmou nada e ao contrário armou uma bomba.
    Se Cunha permanecesse nenhum juizeco NOMEADO pelo PT ou PRIMO de Collor e pai de desembargadora de baixa qualificação, poderia sozinho anular o impeachment e tão pouco poderá o STF impedir, dentro da lei e da constituição, o impeachment.

    ESSE BARULHO TODO sobre um RIDÍCULAMENTE INVEROSSIMIL e ABSURDO “desarmamento da bomba” É APENAS UMA ANESTESIA para a POPULAÇÃO que se poderia INDIGNAR com tal ARBITRARIEDADE DITATORIAL de um ESBIRRO do PT no STF.

    A estupidez é tão imensa (crer em tal patacoada é coisa de dementes) que DILMA APROVOU a arbitrariedade do putrefato STF. Os petistas comemoraram a VINGANÇA contra Cunha. E não há qualquer Lógica que explique tal “desarmamento”. ISSO É PURO BARULHO PARA ACALMAR REVOLTA POPULAR com a ridícula idiotice de “desarmar golpe contra o impeachment”.

    COM ou SEM CUNHA na casa nenhuma decisão sobre impeachment se altera no STF. AO CONTRÁRIO, após tal CANALHA DECISÃO, que VIOLA A CONSTITUIÇÃO, SURGE UM ARGUMENTO para tentar MELAR o impeachmet. Afinal, caso a FANTASIOSA IDIOTICE PLANTADA e REPLICADA pela MIDIA ESQUERDISTA, com base em ALEGADA SUSPEITA ABSURDA, fosse levada a caso, tal “complô” de M. Mello e Lewandowisk seria muitíssimo mais difícil de ser aceito NUM SÓ GOLPE. Com a canalhice de Teori, agora a opinião pública esta mais AMACIADA para aceitar MAIS UMA ARBITRARIEDADE do visivelmente CORRUPTO STF.

    Mas a questão não é essa, pois que o STF não esta ali para atender somente a DILMA, MAS SIM Á IDEOLOGIA, à esquerda em geral ao SALVAR vários corruptos desta ainda posando de isento ao aceitar cassação de Dilma.

    “A organização vale mais que o indivíduo” e o STF quer salvar o BANDITISMO da ESQUERDA muito mais que o banditismo de Dilma.

    Curtir

  6. Atribui-se a Einstein:
    “Só duas coisas são infinitas, o universo e a estupidez humana. Porém não tenho certeza da primeira”

    Essa fantasia absurda de que Teori impediu “o golpe de M. Aurélio e Levandowisk” reforça minha certeza na segunda afirmativa sobre coisas infinitas.

    “Marco Aurélio Mello disse que “é preciso analisar” se o seu relatório sobre a ação da Rede está ou não prejudicado e tentou até brincar, dizendo do que Zavaski “poupou metade do seu trabalho”.”

    Com certeza Zavascki FEZ METADE do trabalho dos dois “golpistas”.
    Nesse ponto Marco Aurélio esta coberto de razão.

    O providencial alarde midiático sobre a fantasia elaborada pela petista Catanhêde por si só já PROVA que tal absurda elucubração tem por objetivo APLACAR possível IRA POPULAR contra Zavascki. E AINDA PREPARA, ou AMACIA, a MASSA CRÉDULA para que ACEITE NOVAS VIOLAÇÕES da CONSTITUIÇÃO por PARTE do STF nomeado pelo PT e chantageado com ameaças de denunciar desobedientes. Vide o que fizeram com J. Barbosa (e que renunciopu antes que engrossassem contra ele) E gILMAR mENDES (AQUELE tucano QUE IMPEDIU QUEBRA DE SIGILO DO OKAMOTO NO mensalão).

    Engolir essa fantasia ABSURDA da Catanhêde é coisa para quem acredita em DUENDES.

    Uma primeira violação da constituição por parte do STF (mais uma VIOLAÇÃO, pois BARROSO “interpretou a lei OMITINDO PALAVRAS e ALTERANDO OUTRAS com “minha posição é que significa…”).

    Ou seja, para o STF as leis são aquilo que os NOMEADOS inventam para beneficiar seus TUTORES e donos de DOSSIÊS AMEAÇADORES. Afinal, até offshores em sociedade com empreiteiras do petrolão poderiam surgir contra os MERETRÍSSIMOS.

    Curtir

  7. ESTE CARA AINDA PERMANCE COMO PRESIDENTE DO SENADO FEDERAL RENAM CALHEIROS COM 12 INQUERITOS NAS COSTAS O STF PROTEGE ESTE BANDIDO PORQUE NAO EXISTE MINISTROS O QUE EXISTE SAO PETISTAS VESTIDOS DE TOGA QUI VERGONHA ESTE STF

    Curtir

  8. STF HOMENS VESTIDOS DE TOGA MINISTROS DA MAIS ALTA CORTE DO BRASIL MAIS INFELIZMENTE JULGAM CAUSAS A FAVOR DE UM GOVERNO CORRUPTO E COMUNISTAS PORQUE DEVEM FAVORES AO PT PROTEGEM A DILMA E SEUS MINISTROS PROTEGE O LULA LADRAO PROTEGE A TODOS AQUELES QUE SAO FAVORAVEIS AO PT COMO O SENADOR RENAM CALHEIROS

    Curtir

  9. A coisa é tão ridiculamente absurda e tão absurdamente ridícula que PARA “limpar a barra” do esbirro petista, conhecido por Teori Zavasck, AlÉM da IDIOTICE de ter “impedido um golpe de Levandowisk e M> Aurélio, AINDA INVENTARAM Que ZAVASCKI ESTARIA SENDO ESPIONADO.

    Porque disso?

    Simples, são DOIS EMBUSTES para EMPULHAR as MASSAS ESTÚPIDAS:

    1 – Teori impediu golpe de M. Aurélio e Levandowisk
    2 – Teori é um herói e ainda coitadinho, PORQUE ESTA SENDO ESPIONADO POR MALVADÕES.

    PQP!!! …PQP!!! …e PQP!!! …Tem demente que ainda acredita nisso!!!! …PQP!!!!

    Não muito diferente, quando BARAK OBAMA andou espionando CONGRSSISTAS e COLOCANDO o IMPOSTO DE RENDA EM CIMA DOS SEUS ADVERSÁRIOS e NEGANDO as verbas normais aos REPUBLICANOS, CURIOSAMENTE SURGIU o SNOWDEN e a denúncioa sobre a NSA.

    COM ISSO o NOTICIÁRIO sobre as BANDIDAGENS de OBAMA FOI ABAFADO com a estória da NSA.
    …E aÍ NINGUÉM MAIS FALOU DAS ESPIONAGENS de OBAMA SOBRE os REPUBLICANOS, NEM DO ATAQUE DA RECEITA FEDERAL aos seus ADVERSÁRIOS e NEM DAS VERBAS NEGADAS aos REPUBLICANOS onde ganharam.

    É assim que a politicagem ssfada USA A MIDIA CORRUPTA que se vende ao PODER.
    Como bem disse NIETASCHE em GENEALOGIA da MORAL “os artistas estão sempre ao lado do Estado, do PODER, a fim de obter vantagens iludindo a população”.
    NIETZSCHE tambérm não poupou o jornalismo, afirmando que estes igualmente SE VENDEM AO ESTADO e aos SOCIALISTAS visando obter vantagens de um PODER TOTALITÁRIO. Chegou a escrever que os jornalistas usam a pena para enganar a pópulação, induzindo-a a erros de julgamento. Atribui-lhes isso com o um vício (corruptos por natureza, já que possuem o poder de enganar a população com meias verdades e mentiras inteiras.

    Curtir

  10. Pingback: Provável Cassação de Eduardo Cunha: Vitória da Esquerda & Ativismo Judiciário | Crítica Nacional

Comentário ao artigo:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s