Portal UOL publica mentiras para enganar público e proteger governo petista

O Portal UOL se parece cada vez com a página oficial do Partido dos Trabalhadores. Os militantes socialistas que atuam como jornalistas na redação do portal mentem e distorcem os fatos e enganam seus leitores para defender e proteger um governo socialista corrupto e criminoso que vai cair em algumas semanas. Em um panfleto publicado nesta quinta-feira sob a forma de artigo com pretensões de neutralidade e isenção, o militante Fernando Canzian mente ao afirmar que o imposto sindical é usado nas manifestações pelo impeachment.

E a mentira escrita pelo militante da redação do UOL consiste em comparar as posições políticas de entidades favoráveis ao impeachment como a FIESP e a Força Sindical, com as posições contrárias da CUT e outros braços sindicais do petismo, para ao final sugerir de maneira mentirosa e cínica que os recursos do imposto sindical são usados para fomentar o movimento pró-impeachment.
O militante com diploma de jornalista sabe que os milhões de pessoas que têm saído às ruas pacificamente há mais de um ano para exigir o impeachment fazem parte do maior movimento democrático da história brasileira. Um movimento nascido da sociedade civil e à margem de sindicatos de assalariados ou patronais e à margem de entidades e qualquer outro aparelho bancados direta ou indiretamente com recursos públicos. Por outro lado, as minúsculas manifestações favoráveis ao governo que ocorreram nesse período dependeram integralmente do uso de recursos de entidades sindicais, até mesmo para pagar cachês individuais para os supostos manifestantes contratados, como foi evidenciado nesse exemplo aqui.
O militante Fernando Canzian mente e usa de cinismo com seus leitores, desrespeitando a inteligência dos mesmos ao tentar colocar um sinal de igual entre duas coisas que são distintas. Para isso ele usa de sofismas e de argumentação mentirosa e cínica, com o único propósito de tentar deslegitimar o maior movimento democrático civil da história brasileira. E tenta fazer essa deslegitimação comparando esse movimento com as práticas mais nefastas e corruptas que a esquerda, que ele apoia e defende, adota nos aparelhos sindicais que essa mesma esquerda controla e que são bancados com recursos públicos.

000 Anuncio Template


O Jornal Crítica Nacional depende somente de seus leitores para se manter
Colabore e clique aqui para fazer uma assinatura de contribuição para o jornal

Comentário ao artigo:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s