Nomeação suspensa: mas o jogo ainda não acabou

Duas liminares de juízes federais de primeira instância suspenderam a nomeação de Lula como ministro. Uma delas foi emitida por juiz Itagiba Catta Preta Neto, da 4ª Vara Federal do Distrito Federal. A outra liminar foi emitida por Ivani Silva da Luz, da 6ª Vara Federal de Brasilia. Na primeira decisão, o juiz alega no despacho de deferimento que, entre outros, a nomeação de Lula como ministro de Estado pode indicar uma intervenção indevida (por parte do poder executivo) na atividade de investigação policial, na atuação do Ministério Público e no próprio poder judiciário.
Ambas as decisões são liminares e de primeira instância, de modo que o governo pode revertê-las em instâncias superiores nas próximas horas. Por essa razão, a mobilização de resistência ao golpe de estado petista que vem ocorrendo em distintos pontos do país, como a Ocupação da Avenida Paulista organizada pelo Grupo Brasil Melhor, deve continuar, pois a vitória conseguida com a suspensão da nomeação não é ainda definitiva.
Mas é importante lembrar que, até que as liminares sejam eventualmente cassadas por instância superior, Lula não detém prerrogativa de foro, sendo portanto um bandido comum como qualquer outro, e que pode ter a prisão decretada por qualquer juiz de primeira instância. As próximas horas serão decisivas para o futuro imediato do país. 
(Com conteúdo de Jovem Pan Online)

O Jornal Crítica Nacional depende somente de seus leitores para se manter
Colabore e clique aqui para fazer uma assinatura de contribuição para o jornal

Comentário ao artigo:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s